Novos prazos para suspensão e redução do contrato de trabalho.

Novos prazos para suspensão e redução do contrato de trabalho.

PRORROGAÇÃO NOS PRAZOS da suspensão do contrato e redução de jornada/salário.

Muito aguardada pelos empregadores, na semana passada o Presidente sancionou a Lei nº 14.020/2020, que converteu a tão falada MP 936/2020, aquela à qual havia permitido que as empresas suspendessem ou reduzissem o contrato de seus empregados, cujos pagamentos seriam realizados pelo Governo e com base no seguro-desemprego. Uma vez editada, a MP teria validade por até 60 dias, sendo convertida neste momento e mantendo sua eficácia.

Em referida lei, ficou previsto que a prorrogação dos benefícios e prazos ali previsto poderão ser realizadas por meio de um Decreto do Poder Executivo.

Agora, finalmente, saiu o DECRETO 10.422/20, que regulamenta tais prazos.

Assim, com a edição do Decreto 10.422/20 os prazos para a suspensão do contrato de trabalho, bem como a redução da jornada e salário foram prorrogados/ampliados.

Isso é uma boa notícia para os empresários que, em razão da pandemia, ainda permanecem com a demanda muito baixa ou, em alguns casos, completamente fechados.

Além disso, está regulamentado e autorizado o fracionamento destes benefícios, respeitando o limite mínimo de dez dias, sempre respeitando o limite máximo permitido pelo Decreto, que não poderá exceder os 120 dias, conforme abaixo explicado:

Como era:

Suspensão do contrato de trabalho: máximo de 60 dias;
Redução de jornada e salário: máximo de 90 dias;
Redução e suspensão: a soma dos dois benefícios não poderiam passar de 90 dias.

O que mudou:

Suspensão do contrato de trabalho: máximo de 120 dias (acrescentou + 60 dias);
Redução de jornada e salário: máximo de 120 dias (acrescentou + 30 dias);
Redução e suspensão: a soma dos dois benefícios não poderá exceder os 120 dias (acréscimo de + 30 dias).

Como a alteração dos prazos pode ocorrer por meio de decreto, há a possibilidade de que nos próximos meses o Governo apresente novas prorrogações, caso os efeitos da pandemia não sejam reduzidos.

Todas as novidades serão lançadas aqui.

Ficou com alguma dúvida? Pode nos mandar mensagem.

Deixe uma resposta